quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Receita: Sorvete de Banaca com Cacau



Ingredientes:
01 banana picada congelada
01 colher de sobremesa de cacau (a gosto)
01 colher de sobremesa de leite de coco (opcional)
01 colher de sobremesa de amêndoas em lascas
01 colher de chá de mel 

Modo de fazer:
Coloque as bananas no congelador com casca. Retire as bananas do congelador, deixe um pouco em água corrente para amolecer a casca e retire a casca cortando com uma faca. 


Corte a banana e coloque no liquidificador com o cacau e o leite de coco (opcional) vai pulsando  até virar uma massa. Jogue as amêndoas ou outras castanhas por cima e o mel.

Bom apetite!

Chá anticelulite




Rende: 1 litro 

Ingredientes 
• 1 litro de água 
• 1 col. (sopa) de centelha asiática 
• 1 col. (sopa) de cavalinha 
• 1 col. (sopa) de dente-de-leão 

Modo de fazer 
Leve a água para ferver. Antes de começar a borbulhar, desligue o fogo e acrescente as ervas. Deixe tampado de 5 a 10 minutos. Coe em seguida e tome ao longo do dia.

Fonte: www.boaforma.com.br 


terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Incrementando o Whey Protein: Waffle com iogurte e frutas vermelhas




Ingredientes

- 3 col. (sopa) de amêndoa (ou noz pecã)
- 4 col. (sopa) de farinha de aveia
- 1 col. (sopa) de farinha de chia
- 1 ½ col. (sopa) de whey protein sabor baunilha (concentrado ou blend proteico)
- 1 banana-nanica madura amassada
- 1/2 xíc. (chá) de leite de soja zero original (ou leite desnatado)
Para acompanhar
- 2 col. (sopa) de iogurte natural desnatado
- 1 xíc. (chá) de frutas vermelhas (morango, amora, mirtilo)

Modo de fazer

Passe a amêndoa no triturador (ou bata no liquidificador) até virar uma pasta. Passe para uma vasilha e misture as farinhas, o whey, a banana e, aos poucos, o leite até dar ponto de uma massa um pouco mais consistente que a de bolo. Espalhe a massa no aparelho específico para o preparo de waffle ou faça como uma panqueca, usando uma frigideira antiaderente para dourar os dois lados. Sirva com o iogurte e as frutas vermelhas.

Rende: 2 waffles grandes

Calorias por waffle: 250

Fonte:www.boaforma.com.br

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Saiba dos principais motivos da vontade incontrolável por doces.

1- Falta de nutrientes
A falta de alguns minerais como cromo, vanádio e zinco, pode causar desequilíbrios no metabolismo da insulina, o que leva a pessoa a sentir uma fome constante.
Inclua no cardápio alimentos ricos nesses minerais (nozes, Brócolis, ameixa, maçã com casca, levedo de cerveja, cereais integrais, cogumelos e espinafre) ou procure um nutricionista que consiga detectar esses minerais e suplementá-los na dosagem ideal.

2- Alimentação rica em carboidratos refinados
O alto consumo de alimentos refinados, pobres em fibras. Alguns estudos sugerem que o decréscimo da glicemia estimule a fome. Isso pode explicar o desejo incontrolável por doces, que são uma fonte energética pronta e rápida. 
Açúcar, alimentos refinados e aqueles com alto índice glicêmico provocam um aumento na glicemia e níveis de insulina, o que leva a maiores episódios de compulsão.
      
3 - Diminuição de serotonina 
Uma baixa produção deste neurotransmissor pode levar a compulsão alimentar, especialmente por doces e carboidratos. A ingestão de carboidratos aumentaria a disponibilidade do triptofano (precursor da serotonina) no cérebro. Os carboidratos com alto índice glicêmico têm mais condições de promover síntese de serotonina e conseqüentes melhoras no humor. Para pessoas sensíveis, cujos níveis de serotonina são baixos, o açúcar funciona até mesmo como uma automedicação. 
Consuma mais alimentos como ovos, banana, carnes e feijões.

Chocolate..♥.. by manoaziz

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Serotonina


Imagine você com o humor nas estrelas, com noites de sono embaladas, sem dores e sem aquele desejo insaciável de devorar a geladeira. A serotonina é um neurotransmissor que ajuda a fazer tudo isso: reduz a fome e ajuda a relaxar. Abaixo você encontra alguns dos alimentos que vão deixar o seu dia mais feliz: 

1. Rúcula: o estimulo da serotonina causado pela verdinha aumenta a disposição para malhar e a resistência ao esforço. Além disso, a folha contém magnésio, que ajuda a contração muscular e diminui o risco de câimbra. 


2. Iogurte: entre as vantagens de consumi-lo, está o fato de poder fazer dele o lanchinho antes de dormir. Ele dá sensação de bem-estar e melhora a qualidade do sono. 


3. Castanhas: grãos e nozes mantêm os níveis de serotonina regulados, reduzindo em até 30% o risco de você ficar triste ou ansiosa sem motivo. 


4. Salmão: ele reduz a ansiedade e ajuda a diminuir as medidas da cintura, já que desinflama as células e eleva os níveis de serotonina, controlando o apetite. 


Dica: Se fizer questão de um docinho de verdade em algum momento do dia, guarde para o fim da tarde. É que o açúcar compensa a queda normal de serotonina por volta das 17 horas.


Fonte: www.boaforma.com.br

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Bolo de Farinha de Coco


Ingredientes:
      - 4 ovos
  • - Gotas de baunilha
  • - ½ xícara (chá) de açúcar mascavo
  • - 1 colher (chá) de canela em pó
  • - 2 colheres (sopa) de óleo de coco
  • - ½ xícara (chá) de leite de coco
  • - ½ xícara (chá) de suco de abacaxi
  • - 1 xícara (chá) de farinha de coco
  • - 1 colher (chá) de fermento em pó
  • - Coco ralado para polvilhar

Modo de Preparo:
  • Bata as claras em neve e reserve. Em uma tigela, misture as gemas, as gotas de baunilha, o açúcar mascavo, a canela e o óleo de coco. Acrescente o leite de coco e o suco de abacaxi aos poucos. Em seguida, adicione a farinha de coco e mexa bem. Delicadamente, agregue as claras e o fermento. Asse em forno pré-aquecido a 180°. Polvilhe com coco ralado.

    Fonte: www.vponline.com.br

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Refeições nada light




Mais uma "Autópsia Alimentar" da revista Glamour.

A revista convidou uma nutricionista para desvendar o que realmente contém em certos lanches que são tidos como "light". Vejam só o que ela descobriu! 

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Combinados do bem



Agora que o calor está aí, os sucos naturais com verduras e frutas são uma pedida das mais saudáveis. Veja algumas receitas.

Coquetel de vitamina C
150 g de morango, um limão e uma rodela grande de abacaxi. Um copo supera a dose diária recomendável de vitamina C.

Um copo de ácido fólico
150 g de morango, 2 kiwis e uma laranja. Este suco fornece ao corpo uma dose importante de vitamina C.

Light
Uma fatia grande de melancia e dois limões. Combina duas frutas pouco calóricas.

Refresco férrico
Uma beterraba pequena, 50 g de salsinha e duas fatias de abacaxi. Boa ajuda quando os níveis de ferro estão baixos.

Antiestresse
Se a ideia é acalmar os nervos, experimente este combinado: 100 g de alface, 50 g de espinafre e dois kiwis.

Dose de cálcio
100 g de endívia, 100 g de cenoura e 100 g de alface. Uma bomba para os ossos.

Para proteger a pele
200 g de nêspera e uma laranja.

O radical
Mantém você jovem, já que ajuda a combater os radicais livres. Uma laranja, uma cenoura e um limão. Pacote de betacarotenos e vitamina C para frear o envelhecimento.


Fonte: www.sportlife.com.br 

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Como se alimentar bem em viagens aos EUA


Vai viajar de férias e não sabe como manter a dieta? Então vamos falar sobre lugares legais e saudáveis em viagens nos EUA?

Whole Foods
É um supermercado orgânico que vende os melhores alimentos e várias marcas de produtos e suplementos. Ainda tem uma seção para você montar a sua própria salada com todos os ingredientes que você pode imaginar, tudo orgânico! Maravilhoso!
Boas opções: barrinhas, frutas, refeições e suplementos.

Sweet Tomato
Estilo Fas Food saudável! Saladas e grãos saudáveis!

Walmart
Você encontra alguns produtos orgânicos, além de opções para café da manhã (granolas, cereais matinais, iogurtes) e barrinhas de cereais

Trader Joe´s
Estipo supermecado de bairro, ótimo para comprar frutas e verduras.  
http://www.traderjoes.com/

Jamba Juice
Sucos e smoothies. Ótima opção para aquele lanche da tarde, entre almoço e jantar, são super nutritivos e dão mais saciedade.  Você ainda pode incrementar os sucos com whey protein!
http://www.jambajuice.com/


sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Compare e escolha os melhores petiscos para não derrapar na dieta



Água de coco (copo de 200ml)44 cal 
Amendoim (col. de sopa) 97 cal 
Amendoim torrado com sal (porção de 50 g) 290 cal
Barrinha de cereais (unidade) 90 cal 
Batida de maracujá (copo, 200 ml) - 195 cal 
Biscoito de polvilho (6 unidades) - 170 cal 
Sanduíche natural de atum com alface e cenoura (unidade de 180 g) - 310 cal 
Cachorro-quente (unidade) - 304 cal 
Caipirinha (copo de 250 ml) - 260 cal 
Casquinha de siri (porção de 130 g) - 413 cal 
Castanha de caju com sal (porção e 50 g) - 300 cal 
Cerveja 1 lata (350 ml) - 147 cal 
Chá pronto industrializado light (200 ml) - 70 cal  
Club Social Integral (pacotinho de 26 g) - 117 cal 
Empada de frango (unidade de 30 g) - 280 cal 
Espetinho de camarão (5 unidades de 100 g) - 238 cal 
Milho verde no prato com margarina light (col. de sobremesa) - 132 cal 
Picolé com leite (unidade) - 110 cal 
Queijo coalho (60 g) - 208 cal 
Refrigerante (copo médio de 300 ml) - 251 cal 
Salada de frutas (unidade) - 150 cal 
Picolé sem leite (unidade)60 cal 

Fonte: wwww.boaforma.abril.com.br


quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Matéria no Ela Digital


Querendo uma opção de sorvete saudável? Dá uma olhadinha na matéria com a minha participação!



terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Não se engane: o japonês também pode ser calórico e pobre em nutrientes.


Antes de se jogar sem culpa naquele japonês, pense duas vezes: As opções geralmente são ricas em carboidrato refinado e gordura.  O ideal é optar por sashimis (peixe cru), maneirar no shoyu e evitar as frituras e rolls com cream cheese.





segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Leite na Saúde Humana


É comum a discussão de que nenhum mamífero consome leite (e muito menos de outra espécie) após a amamentação. Porém, mais que este argumento, é fundamental entender o processo de evolução da espécie e as reações fisiológicas que o leite desencadeia para chegarmos a uma conclusão sensata se este é um alimento inofensivo ou pode realmente trazer malefícios.


O consumo de lacticínios se tornou possível somente após a domesticação dos animais [6100 a 5500 anos atrás), sendo que o leite é, portanto, um alimento relativamente recente na alimentação do ser humano (cujo genoma não sofreu alterações significativas nos últimos 11.000 anos, o que explica o porquê de cerca de 75% da população adulta mundial apresentar hipolactasia após o desmame (o que pode resultar em intolerância à lactose, que se caracteriza por diversos sintomas de ordem gastrointestinal – como flatulência, cãibras intestinais, dor e inchaço abdominais, náuseas, vômitos e diarréia).
Além disso, há a questão de o leite ser um alimento potencialmente alergênico. Já foram identificadas mais de 25 frações protéicas alergênicas no leite de vaca, dentre elas, as mais alergênicas são: soro-albumina, gama-globulina, alfa-lactoalbumina, beta-lactoglobulina e caseína.
Diversos estudos comprovaram a relação de alergia tardia principalmente ao leite de vaca com otite, dermatite, rinite, sinusite, bronquite asmática, amigdalite, obesidade, aumento da resistência à insulina, aumento na formação de muco, gastrite, enterocolite, esofagite, refluxo, obstipação intestinal, enurese, enxaqueca, fadigas inexplicáveis, artrite reumatoide, falta de concentração, hiperatividade (ADHD), dislexia, ansiedade e até mesmo depressão.
Outros estudos já relacionaram também o consumo de leite de vaca com diversas alterações metabólicas como hiperinsulinemia e resistência à insulina que é alteração metabólica encontrada como base de diversas patologias como diabetes tipo 2, hipertensão, dislipidemia, obesidade abdominal, estado pró-trombótico e síndrome do ovário policístico. 
Outra dificuldade encontrada são as embalagens dos leites. Em um estudo, foi observado que há migração de bisfenol A em latas de fórmulas infantis para o alimento, mesmo em temperatura ambiente, sendo que esta contaminação ocorre dentro do prazo de validade destes produtos, o que a longo prazo pode causar uma toxicidade que pode levar ao aparecimento de alterações metabólicas como: Puberdade precoce, Infertilidade, Esteatose hepática, Resistência à insulina, Diabetes, Obesidade.
Outros estudos também encontraram relação com câncer, principalmente de ovários, testículos e próstata, doença de Parkinson, doenças cardiovasculares, artrite reumatoide, diabetes, esclerose múltipla e, inclusive, osteoporose, apesar de estudos de curto prazo referirem beneficio neste caso.
Portanto, o consumo do leite de vaca é algo que deve ser avaliado individualmente, considerando também os efeitos metabólicos desencadeados e não apenas a qualidade nutricional do mesmo, inclusive porque existem outras boas fontes de proteína e cálcio na alimentação humana. 

Fonte: www.vponline.com.br

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Beterraba e Pressão

Os altos níveis de nitrato encontrados no vegetal são capazes de reduzir a pressão. Depois de ingerido, 25% do nitrato atinge a corrente sanguínea e chega às glândulas salivares. Na língua, ele é convertido em nitrito por bactérias que vivem ali e quando essa substância chega ao estômago, transforma-se em óxido nítrico, um vasodilatador poderoso. Se você é hipertenso, invista no suco de beterraba.


Fonte: www.sportlife.terra.com.br

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Morango



A fruta, ao que tudo indica, ajuda a prevenir o câncer, segundo estudo apresentado na Associação Americana para a Pesquisa do Câncer. Pesquisadores chineses acompanharam pessoas com alto risco de desenvolver câncer de esôfago e descobriram que o morango ajudou a prevenir que pequenas lesões no órgão se tornassem tumores.

É uma das melhores pedidas para quem quer controlar ou perder peso. Uma porção contém apenas 28 cal, além de ser livre de gordura, sódio e açúcar. A quantidade de carboidrato contida nessa porção corresponde à metade daquela contida em uma fatia de pão.

O morango contém  ácido elágico e flavonoides, potentes antioxidantes que, entre outras coisas, são capazes de contrabalançar os efeitos negativos do mau colesterol, o LDL.

É ótima fonte de vitamina C. Uma porção contém 51,5 mg do nutriente, cerca de metade da dose diária recomendada. A vitamina C é capaz de turbinar a imunidade.


Fonte: www.sportlife.terra.com.br

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Alimentos pró-rendimento

Confira alguns itens que você não deve deixar de fora do prato se o seu objetivo é performance



- Salmão: funciona como protetor do coração, pois é rico em ácidos graxos ômega-3, que evitam a formação das placas que obstruem as artérias, reduzem o colesterol e combatem os triglicerídeos. O salmão é rico em proteínas de alto valor nutritivo, superior ao de carnes vermelhas. Além disso, as proteínas dos peixes são de alta digestibilidade, favorecendo o processo de digestão.


- Lentilhas com casca: de acordo com um estudo recente do American Journal of Clinical Nutrition, pessoas com níveis altos de vitamina B no sangue pensam com mais rapidez e têm melhores reações. As lentilhas com casca são ricas em ácido fólico, aumentando os níveis sanguíneos de vitamina B.


- Sementes de linhaça: acrescente sementes de linhaça à salada, leite ou iogurte. Rica em fibras que contribuem para o bom funcionamento do sistema digestivo e ajudam a prevenir vários tipos de câncer. 

Fonte: www.sportlife.terra.com.br